Prótese Fixa

É a restauração parcial ou total da coroa de um dente, quando se denomina prótese fixa unitária, ou a substituição de um ou mais dentes perdidos, quando se denomina prótese parcial fixa (ou ponte fixa).

Ao ser fixada sobre os dentes do paciente, previamente preparados para recebê-la, reabilita – o para mastigar, falar ou sorrir. Recebe o nome de “fixa” porque não pode ser removida pelo paciente ou pelo dentista, a menos que este a corte com o uso de brocas especiais.

As próteses fixas podem ser metálicas, metálicas revestidas por um material estético plástico ou cerâmico da cor dos dentes, ou metal free (cerômeros, cerâmicas ou associações destes materiais com sílica ou fibras).

Prótese Total

É um tipo de aparelho reabilitador, confeccionado em resina acrílica, tendo como finalidade, devolver ao paciente edentado ( com ausência total de dentes ), a capacidade mastigatória ( função ), a fonética e a estética.

Para a confecção da Prótese Total, precisamos estabelecer um plano de tratamento individualizado, respeitando também as limitações dos materiais utilizados.

O paciente edêntulo necessita de um rigoroso controle periódico, com a finalidade de observar se o resultado esperado para o caso mantém-se estável, avaliar tecidos de suporte, higiene e conforto do paciente.

Prótese Parcial Removível

Aparelho protético que substitui os dentes perdidos em arcadas onde ainda permanecem alguns dentes naturais, ou seja, pacientes com perda parcial de dentes.

É chamada de removível porque pode ser retirada pelo paciente no momento que desejar. Popularmente chamada de ponte móvel, são próteses retidas a grampos “semiflexíveis” metálicos apoiados em dentes naturais e por um perfeito assentamento do aparelho sobre a gengiva das áreas desdentadas.

A prótese removível quando bem planejada e confeccionada é de fácil adaptação e não estraga os dentes naturais. O paciente deve higienizá-la, cuidadosamente, inclusive no interior de cada grampo, bem como os dentes naturais, pois o que causa a lesão de cárie é a placa bacteriana que se fixa no dente natural e nas superfícies dos grampos. Sem a presença dessa placa bacteriana, o dente se manterá sadio (com ou sem os grampos).


Reabilitação Oral

0

Classificação 0 / 0 votos

Deixe seu voto para nós


 

 

Dados de contato

Praça Comendador Paulo Storani, 123. Vila Planalto, Vinhedo/SP

(19) 3876-1610
(19) 3886-3483
(19) 3886-3388

etica@etica.odo.br

Curta nossa página

©Ética Saúde Bucal - Copyrights

Todos os direitos reservados ©2019